Cíbola, a Cidade de Ouro

bola, Cibola, Sébola é uma região mítica contendo sete cidades cheias de riquezas, que no início da época colonial se supunha ser uma algum lugar ao norte da Nova Espanha (atual México), no que hoje é o sudoeste dos Estados Unidos. A cidade de Quivira, associada também a esse mito, aparentemente se situaria no atual Kansas, nas atuais Grandes Pradarias dos EUA.

O nome Cíbola deriva de cíbolo, um nome nativo que se dava ao bisão norte-americano, pois o mítico reino comerciava, entre outras coisas, peles de bisão.

Os primeiros relatos têm sua origem em Alvar Nuñez Cabeza de Vaca e seus companheiros, que tinham embarcado na desastrosa expedição de Pánfilo de Narváez à Flórida, em 1527 e foram abandonados pela frota. Os quatro sobreviventes que chegaram ao México em 1534 contaram ter visto “casas sólidas” e encontrado pessoas vestidas com “camisas de algodão” e “calçadas com sapatos” que lhe haviam dado turquesas e esmeraldas. Os índios teriam dito que as trouxeram de “montanhas muito altas, que se encontravam na direção do norte, e que as compravam em troca de objetos feitos de penas e diziam haver lá aldeias bastante povoadas e casas muito grandes”.

Ante a miragem de turquesas e esmeraldas, os conquistadores do México ligaram o relato de Alvar Nuñez e a lenda das Sete Cidades. Em 1537, o frei Juan de Olmedo, guiado por Estebanico de Orantes – escravo mouro que havia sido um dos sobreviventes – se lança na aventura e chega a Casa Grande, no sul do Arizona.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s